• Plataformas: Xbox One, PC
  • Género: Ação, Co-op, FPS
  • Lançamento: 13 maio 2020
  • Produtora: Ghost Ship Games
  • Editora: Coffee Stain Publishing

Deep Rock Galactic convida os jogadores a cavar fundo no planeta rico em minerais Hoxxes IV e pegar em armas como uma das quatro classes de mineiros anões durões. Cada classe de anões vem com seu valioso conjunto de habilidades e equipamentos e uma missão clara: Trabalhar em equipaextrair minerais raros e valiosos através de múltiplos Biomas para manter a corporação lucrativa, e tentar sobreviver à uma infestação alienígena hostil sem fim.

Deep Rock Galactic - Official GSG Narrated Trailer

Prontos para uma Aventura com anões exploradores? Nós também! Deep Rock Galactic acaba de ser lançado para PC e Xbox One e tivemos a oportunidade de jogar este jogo que nos surpreendeu bastante.

Deep Rock Galactic está em Acesso Antecipado desde fevereiro de 2018 e como tal ao longo destes anos a equipa da Ghost Ship Games teve a possibilidade de testar e ter em conta o feedback dos jogadores para melhorar a experiência. Neste jogo controlamos anões que exploram várias regiões a recolher minerais das diversas formas e feitios para que depois possamos usar esses materiais recolhidos para aumentar e atualizar a nossa personagem, as nossas habilidades e as nossas armas.

arma e ambiente em Deep Rock Galactic
Início da missão

Foco no Co-Op

Este jogo é desenhado e pensado para o co-op. Esta intrinsecamente ligado a toda e qualquer mecânica que o jogo tenha.  Tens a possibilidade de jogar com até 3 outras pessoas e para tal existem 4 classes que podes escolher.

  • Driller: O driller é a classe que te permite escavar com mais eficácia. Para além disso também á a melhor personagem a controlar grandes grupos de inimigos usando para isso uns lança chamas.
  • Engineer: Esta classe é a melhor para criar defesas nomeadamente mini guns imóveis que te vão ajudar a defender as hordes de inimigos. Para além disso consegue criar plataformas para chegarmos a localizações que de outra maneira seria muito difícil.
  • Gunner: Esta é a típica classe de assalto de qualquer jogo de tiros. Com a sua metralhadora é a melhor case para derrotar inimigos muito rapidamente. Também tem uma zipline que ajuda bastante a ultrapassar terrenos sem tocar no chão se for necessário.
  • Scout: A classe mais móvel de todas. Com a sua arma de Grappling consegue facilmente sair de cenários em que está em inferioridade numérica. Com a sua espingarda também é bastante eficaz em derrotar inimigos próximos.
personalização de deep rock galactic
Classe Driller e a sua personalização

Cada classe é bastante distinta uma da outra. Quando jogamos pela primeira vez Deep Rock Galactic, não existiu ninguém a juntar-se à nossa partida então jogamos apenas nós os dois com a classe Driller e Gunner. Esta foi provavelmente das missões mais difíceis que fizemos apesar de estar na dificuldade normal.

O jogo não quer saber se estás em grupo de 2 pessoas ou 4 porque simplesmente os inimigos e a sua quantidade são exatamente os mesmos daí o título desta secção ser “Foco no Co-Op” porque o jogo claramente não te quer a jogar sozinho, quer-te a jogar com 3 outras pessoas.

Na partida seguinte continuamos com as mesmas classes, mas desta vez entrou um jogador com a classe de Engineer e foi uma dádiva do céu. Como é a única classe que do jogo que consegue criar plataformas começamos a chegar a locais com muita mais rapidez e eficácia o que confessamos tornou a experiência muito melhor. O que queremos dizer com este ponto basicamente é que este jogo é inteiramente focado no co-op e se não gostas disso, nem vale a pena pegares no jogo.

4 personagens na cave
Jogo é inteiramente focado no CO-OP

Gráficos e Performance

Infelizmente é aqui que nós encontramos o “calcanhar de Aquiles” deste jogo. Por um lado, a nível gráfico, o jogo é bonito mas não é nada de especial. O lado bom no caso dos gráficos é o facto dos mapas serem completamente destruíveis, podemos usar bombas, armas ou cavar de forma a descobrir eventos escondidos, loot especial e cosméticos.

aranhas na cave
Performance deixa a desejar, mesmo na Xbox One X

Por outro lado, nós jogamos na Xbox One X, que é a consola mais poderosa no mercado atualmente e, mesmo assim, encontramos inúmeros problemas. Inicialmente jogando apenas os dois, numa dificuldade baixa, a performance manteve-se estável nos 60 quadros por segundo.

Mas tudo muda quando se juntou outro jogador à partida, tornando a performance muito, muito a desejar. Quando jogamos com 4 jogadores no total, que é o objetivo do jogo, numa dificuldade mais alta, com os vários inimigos no ecrã ao mesmo tempo, e os efeitos das armas e da cave, a performance chega a um nível muito pouco jogável.

Áudio – “Rock and Stone!”

A música e sons de Deep Rock Galactic são um dos seus pontos positivos, sendo que coloca o jogador nos pés de anões minadores. Ao ouvires os vários sons do jogo, as frases já icónicas “ROCK AND STONE!”, entre outras que dificilmente vais esquecer, sentes que realmente estás num mundo alienígena, e que a única forma de sobreviver é seres forte como uma pedra.

Os anões têm a personalidade que se adequa a estas personagens, estando completamente bêbados em vários pontos do jogo, e de certa forma, ‘agressivos’. No entanto, encontramos também aqui outro lado negativo, sendo que as vozes são exatamente iguais entre as várias classes e personagens, incluindo as frases que estes proclamam durante o jogo todo.

scout a beber cerveja
Beber é uma das ‘funcionalidades’ mais engraçadas do jogo

Conclusão: Um bom jogo com amigos, com muito por melhorar

Pontos Positivos:

  • Excelente opção para jogar com amigos
  • Boa variedade com 4 classes distintas na jogabilidade
  • Incentiva à exploração do mapa
  • Mapas completamente destruíveis
  • Centenas de horas de jogo
  • Bom som e música

Pontos Negativos:

  • Não foi pensado para jogar sozinho ou com apenas um amigo
  • Terríveis problemas de performance com 4 jogadores
  • Vários problemas de performance a jogar em altas dificuldades
  • Personalidade pouco distinta entre as 4 classes

Nota: A chave do jogo para a Xbox One foi gentilmente cedida à GameHub.pt pela PR Nordic, a quem desde já deixamos o nosso obrigado.

REVIEW GERAL
Bom
7