Já é um desafio lançar um jogo AAA para o mercado, mas isso não vai impedir a EA, que quer lançar 14 no ano fiscal de 2021. Num relatório da EA, descreveram as metas para o próximo ano fiscal que começa em abril de 2020, e a maior meta é o lançamento de 14 títulos.

No último ano fiscal, a EA planeou publicar apenas oito, e desses, NBA Live 20 foi finalmente cancelado. Embora todos os 14 títulos possam não ser lançados nesse período, este é o objetivo por parte da Eletronic Arts.

Destes 14 títulos, 10 serão desenvolvidos internamente pelos estúdios pertencentes à EA. Dois serão para mobile. Dos oito restantes, quatro são jogos de desporto, com a EA a confirmar que um será Madden 21 e outro FIFA 21.

Os outros dois jogos de desporto ainda são desconhecidos, embora a EA tenha dito que tentaria trazer de volta NBA Live para 2021. Considerando que a EA lança um jogo da NHL todos os anos desde 1991, um NHL 21 deverá ser um dos títulos pertencentes à lista. Para os outros quatro títulos internos, a EA disse que eles “se iriam inspirar nas outras propriedades da EA”.

Retorno de Dragon Age?

herói a segurar arma e a lançar feitiço para o céu, encontra-se numa gruta

A EA disse que os novos jogos Battlefield e Dragon Age estão planeados para o próximo ano fiscal, e sabemos que a EA tem um remake do jogo original de tiro em primeira pessoa Command & Conquer e um jogo de realidade virtual – Medal of Honor: Above and Beyond, mas não está claro se isso faz parte destes quatro jogos. Ainda há esperança para a remasterização da trilogia de Mass Effect.

Sendo que o lançamentos das próximas consolas se aproxima, espera-se que pelo menos alguns desses títulos sejam jogos para PlayStation 5 e sejam revelados durante o evento Playstation em fevereiro.

Que jogo gostarias de ver da EA ainda não revelado? Comenta abaixo!