Cyberpunk 2077 chegou no dia 10 de dezembro e esta foi a primeira oportunidade que os jogadores tiveram de ver o jogo a correr numa PlayStation 4.

Antes do lançamento, a CD Projekt Red tinha exibido gameplay da PlayStation 4 Pro e PlayStation 5.

Quando a CDPR pediu desculpas pelo estado de performance e bugs nas consolas base (principalmente), também pediu aos jogadores que tivessem insatisfeitos com a sua compra, para tentar contactar a PlayStation ou Xbox para pedir um reembolso.

Aqueles que tentaram pedir o reembolso, não eram aceites pelo suporte da PlayStation indicando que como já fizeram download e jogaram Cyberpunk 2077, não eram elegíveis para o reembolso.

Num novo desenvolvimento, a PlayStation agora partilhou a sua decisão de forma oficial, através do seu website, dizendo o seguinte:

“A SIE (Sony Interactive Entertainment) esforça-se por assegurar um elevado nível de satisfação do cliente, por isso começaremos a oferecer um reembolso total para todos os jogadores que tenham adquirido Cyberpunk 2077 através da PlayStation Store. A SIE irá também remover Cyberpunk 2077 da PlayStation Store até novo aviso.”

Isto significa que a partir de agora não tens como comprar Cyberpunk 2077 nas consolas da PlayStation via digital.

Após estas declarações da Sony, a CD Projekt Red também veio a público assegurar que esta decisão foi tomada com o conhecimento de ambas as empresas. Aqueles que já compraram o jogo em formato digital, vão continuar a poder jogar Cyberpunk 2077 se não entenderem pedir o reembolso.

Outro detalhe confirmado pela CDPR é que “todas as cópias do jogo, sejam digitais ou físicas, vão continuar a receber suporte e a serem atualizadas”, por isso os patchs de atualizações prometidos para janeiro e fevereiro vão estar disponíveis para quem pretender manter o jogo.

O que acham desta decisão? Concordam? Deixem as respostas nos comentários!